04/12/2014 às 06h24min - Atualizada em 22/05/2015 às 14h56min

Jogador argentino morre após ser agredido por torcida rival

correio do estado

O jogador argentino Franco Nieto, de 33 anos, não resistiu aos ferimentos sofridos em incidente pós-jogo de sábado, pela liga regional de Aimogasta, na província de La Rioja, na Argentina, e faleceu nesta quarta-feira.

"Várias pessoas vinham insultando ele. O agrediram com socos, bateram nele. Ele tentou se defender, mas recebeu um golpe muito forte na cabeça. Ele foi operado na terça-feira. Hoje (quarta-feira), faleceu", anunciou Pablo Nieto, o primo do jogador, à emissora TN.

A agressão ocorreu após o fim da partida entre Tiro Federal e Chacarita, ambas equipes de Aimogasta, no estádio San Francisco, 1.200 km a noroeste de Buenos Aires.

"Entre os agressores, havia um jogador da equipe rival e um assistente do técnico, além de um 'barrabrava' (torcedor de organizada)", relatou Fabián Bordón, delegado regional da polícia.

O jogo foi suspenso 10 minutos antes do tempo regulamentar por causa de uma briga em campo entre os jogadores dos dois clubes. Nieto era o capitão do Tiro Federal.

A violência no futebol argentino causou em 2014 a morte de 15 pessoas, três a mais que no ano passado, segundo a ONG 'Salvemos al Fútbol'.


Link
Notícias Relacionadas »