23/03/2015 às 09h47min - Atualizada em 22/05/2015 às 14h56min

Assentados denunciam prefeitura em MS por abandonar trator com defeito

O trator, que está estragado há 3 meses, está se deteriorando sob o sol e a chuva

Mídia Max

Integrantes do Assentamento Alvorada, em Bandeirantes, a 70 quilômetros de Campo Grande, denunciam o desperdício de dinheiro público. Trata-se de um trator seminovo, usado para preparar a terra para o plantio, deixado pela Prefeitura da cidade ao sol e chuva.

O trator é usado por mais de 44 famílias do assentamento. Elas aram a terra para o plantio de mandioca, milho, quiabo e verduras.

De acordo com um assentado que preferiu não se identificar, o trator foi abandonado há 3 meses por conta de um problema na bomba injetora, mas a Prefeitura não faz nada para consertá-lo. “Eles dizem que não têm dinheiro para arrumar. Enquanto isso ele está se deteriorando. Dá muita dó de ver”, reclama.

Outro assentado, que também preferiu não ser identificado, afirma que o trator é muito útil às pessoas que moram no assentamento. “Muita gente aqui está sem plantar, pois o trator faz o serviço mais grosso. Sem ele fica difícil”, diz.

Por outro lado, o prefeito de Bandeirantes, Márcio Faustino, negou que não haja dinheiro para o conserto. Segundo ele, apeça já foi comprada. “Isso é briguinha de um vereador que pegou birra do secretário de obras. Ele fica mandando boatos para a imprensa”, justifica.

O prefeito diz, ainda, que o conserto era para ter sido finalizado na última sexta-feira (20), mas a peça não foi entregue a tempo. “Não conseguiram mandar a bomba injetora, que só é encontrada fora da cidade. Não dá para deixar o patrimônio da cidade abandonado desta forma, está tudo sendo feito o mais rápido possível”, conclui.


Link
Notícias Relacionadas »