10/12/2015 às 16h47min - Atualizada em 10/12/2015 às 16h47min

Captação de água é paralisada na 2ª maior cidade de MS nesta quinta-feira

- Dourados Agora

A captação de água em Dourados, cidade a 214 km de Campo Grande, foi paralisada no início da tarde desta quinta-feira (10). Ao G1, a Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) disse que não tem previsão para retomar os serviços, já que o bombeamento é feito por máquinas e elas tiveram de ser desligadas, pois não podem ficar submersas.

A água está sendo drenada na tentativa de retomar o serviço, mas o diretor da empresa alerta que 60% da população vai sofrer com a falta de água. O sistema depende da chuva parar para voltar a funcionar normalmente. Além disso, a Sanesul ainda alertou que, por não ter previsão de quando as máquinas serão religadas, os moradores de Dourados devem economizar e armazenar água.

Como ainda não é possível saber se o rio já atingiu o ápice da cheia, a Sanesul orienta que a população se previna caso o sistema seja desligado, economizando e armazenando água.

Conforme a empresa, o rio Dourados subiu 5,8 metros acima do nível normal. Foram 70 cm em oito horas. É a maior cheia registrada nos últimos 32 anos, segundo a Sanesul.

A população do município é de 212.870 habitantes, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Atualmente 48% do abastecimento da cidade depende do rio.


Link
Notícias Relacionadas »