17/12/2015 às 09h22min - Atualizada em 17/12/2015 às 09h22min

Borracheiros aumentam lucro com “buraqueira” após chuvas

- Dourados News

Dourados está repleta de buracos nas ruas dos bairros e região central e esse fato tem significado prejuízo para população e em contrapartida, lucro aos borracheiros. Em pesquisa junto a alguns desses profissionais na cidade, o Dourados News constatou o aumento do movimento nos estabelecimentos e faturamento até 20% maior nos últimos dias.

De acordo com o borracheiro Leonir Berno, 56, por dia, são registradas em seu estabelecimento na Cabeceira Alegre pelo menos três reclamações de pneus rasgados pela buraqueira, além de rodas amassadas.

Ele cita que o fato gera inúmeras reclamações dos motoristas, que muitas das vezes precisam descartar os itens. “Isso tem acontecido muito depois das chuvas constantes e a maioria tem que descartar o pneu ou então manda arrumar e deixa para usar como estepes. Rodas também chegam a ser perdidas e ás vezes está tudo novinho, mas não tem jeito e o pessoal fica revoltado”, disse.

O borracheiro Everton Aguiar Soares, 18, afirma que o serviço de vulcanização utilizado quando há conserto para pneus ‘rasgados’ tem sido muito solicitado no estabelecimento que trabalha, fato que fez aumentar o movimento e o faturamento em 20%. Segundo ele, a avaria tem sido registrada em todos os tipos de veículos e a maioria dos motoristas afirma que o fato aconteceu após passar em buracos.

“Subiu nosso ritmo de trabalho e a máquina vulcanizadora já chegou a ficar ligada por dois dias seguidos. Esse dano acontece tanto em carro quanto em moto e o pessoal afirma que é por conta da buraqueira que não dá para ver quando chove”, cita.

O proprietário de uma borracharia localizada na avenida Hayel Bon Faker que preferiu não se identificar cita que no estabelecimento diariamente há a reclamação de danos em pneus e rodas causados pelos buracos. Ele afirma que na via há muitos buracos e ele vê o quanto os motoristas tem sido prejudicados.

 
Alguns pneus são recuperados mas, outros precisam ser descartados (Foto: Gizele Almeida)

Alguns pneus são recuperados mas, outros precisam ser descartados (Foto: Gizele Almeida)

Alguns pneus são recuperados mas, outros precisam ser descartados (Foto: Gizele Almeida)

“Não tem um dia que não aconteça e aqui na rua mesmo dá para ver o quanto há de buraco e nada é feito. Esses dias uma moça de moto teve os dois pneus rasgados de uma vez e tem mais gente que amassa a roda nova e por aí vai. Aqui está sempre movimentado com essas situações”, disse.

O comerciante Anderson Nunes, 34, conta que já danificou o pneu da moto e do carro nas ruas da cidade. Ele diz que há buracos enormes até mesmo nas principais avenidas, o que tem dificultado a situação para os motoristas, em especial os que trabalham “rodando” como é o caso dele.

“Tenho uma Honda Biz e o pneu já rasgou duas vezes em poucos dias, ando muito a trabalho e sei que muitos devem estar passando por isso também. O carro está com a roda amassada e ainda preciso arrumar, depois que passei com tudo em um buraco na avenida Joaquim Teixeira Alves. É vergonhoso para cidade e nós que pagamos as consequências”, destacou.

O Dourados News tentou contato com a assessoria de comunicação da prefeitura para saber sobre o serviço de tapa-buracos na cidade e foi informado que o mesmo voltou a acontecer nesta quarta-feira (16) com a pausa das chuvas.

De acordo com a assessoria a ação teria ocorrido na avenida Marcelino Pires. Questionada sobre a previsão da continuidade do trabalho para outros locais, a assessoria afirmou não possuir informações.

 
Na avenida Hayel Bon Faker, uma das vias principais da cidade motoristas precisam ser ágeis para escapar dos buracos- Foto: Gizele Almeida

Na avenida Hayel Bon Faker, uma das vias principais da cidade motoristas precisam ser ágeis para escapar dos buracos- Foto: Gizele Almeida

Na avenida Hayel Bon Faker, uma das vias principais da cidade motoristas precisam ser ágeis para escapar dos buracos- Foto: Gizele Almeida

Link
Notícias Relacionadas »