26/04/2016 às 07h25min - Atualizada em 26/04/2016 às 07h25min

Frente fria se aproxima e frio deve atingir os 4° C essa semana

Após vários dias de outono marcados por calor e com temperaturas que ficaram acima de 30°C, a probabilidade é que o clima comece a ficar mais ameno nesta terça-feira (26) em Fátima do Sul e chegue a sensação "gelada" nos próximos dias. De acordo com o Ceptec (Centro de Estudos e Previsão Climática) a mínima deve atingir os 4°C nessa semana.

Nesta segunda-feira (25), o calor ainda foi marcante durante a manhã e no começo da tarde, alcançando a temperatura máxima de 33.7°C, segundo dados do Guia Clima Embrapa. Há a probabilidade de chuva elevada para a cidade que atinge 80% de acordo com informações do Ceptec. A pancada de chuva registrada durante a tarde também ajudou.

Para a terça-feira a previsão é que a temperatura varie entre 13°C e 25°C. Já a perspectiva para chuva é ainda maior do que a registrada para esta segunda-feira (25) e chega aos 90%.

Na quarta-feira (27) um frio maior já deve ser sentido pelos douradenses. A mínima prevista é de 7°C e máxima fica em 18%, ainda conforme o Ceptec. A possibilidade de chuva fica em 5%.

Para a quinta-feira (28), a previsão climática é a mesma de quarta-feira (27).

Já na sexta-feira (29) a temperatura mínima prevista é de 4°C com o tempo parcialmente nublado e a máxima prevista é de 19°C. A probabilidade de chuva é pequena (5%).

Para o sábado (30) a perspectiva também é que o frio seja marcante com a mínima de 4°C. O dia também deve ficar parcialmente nublado com probabilidade de chover em 5%, já a temperatura máxima fica em 19°C.

Conforme foi mostrado pelo Dourados News, a previsão é que o frio registre em maio temperaturas mais baixas do que a média na região sul e sudeste. Há possibilidade de geadas e registro de temperaturas abaixo dos 12°C.

No entanto, vai chover acima do normal na região sudoeste, que compreende municípios como Antônio João, Ponta Porã, Aral Moreira, Coronel Sapucaia e cidades próximas. Já na região do bolsão, as chuvas ficarão abaixo da média.


Link
Notícias Relacionadas »