07/08/2017 às 13h16min - Atualizada em 07/08/2017 às 13h16min

Vândalos depredam Cein Ively Monteiro e Academia ao Ar Livre na Orla de Fátima do Sul

A Prefeitura já acionou a Polícia Civil, para que o fato seja investigado

WASHINGTON LIMA - FÁTIMA EM DIA
FÁTIMA EM DIA

Investimentos realizados pela Prefeitura de Fátima do Sul para deixar a cidade mais bela, agradável e com uma estrutura para proporcionar a população lazer e convivência estão se tornando alvo da ação de vândalos que agem e causa prejuízos à população e as finanças do município, que tem que refazer os trabalhos já realizados.

Durante o fim de semana, o CEIN Ively Monteiro, localizado no Bairro Jardim do Ipês, que atende cerca 82 crianças de 0 a 3 anos, foi alvo dos vândalos, que quebraram cadeados, esvaziaram dois extintores um liquido e um pó sujando todo o refeitório da unidade escolar, e ainda destruíram todas as verduras plantada na horta recém implantada no CEIN, através de uma projeto que envolveu professores, alunos e pais.

Outro alvo dos vândalos foi a Academia ao Ar Livre, localizada no interior da Orla, em anexo a pista de caminhada, onde os aparelhos utilizados para atividades físicas foram danificados, alguns quebrados, ficando impróprios para utilização.

A Prefeitura já acionou a Polícia Civil, para que o fato seja investigado e os responsáveis sejam identificados e punidos de acordo com a lei e ainda buscará na justiça a reparação do imóvel e dos respetivos equipamentos.

É importante que qualquer cidadão que tenha informação sobre esses fatos façam a denúncia a Polícia Civil pelo telefone 3467-1157 ou na Polícia Militar através do telefone 190.

Recentemente o Terminal Rodoviário de Fátima do Sul e os banheiros da Praça Getuilio Vargas, também foram alvos de vandalismo, onde além de terem paredes pichadas, tiveram portas quebradas, vasos sanitários e lavatórios e bancos recém-instalados danificados.

Procurada pela reportagem do site Fátimaemdia, a prefeita de Ilda Salgado Machado (PR), lamentou os fatos ocorridos com o patrimônio público. “É deplorável que tenhamos que usar o dinheiro da população para fazer reparos causados por pessoas que não tem respeito pela cidade nem pela sociedade onde vivem. É um dinheiro que poderia ser aplicado em outras áreas importantes para beneficiar a população, por isso, peço que todos fiquem atentos, fiscalizem e denunciem quando virem alguém praticando atos de vandalismo”, sugeriu a prefeita Ilda.


Link
Notícias Relacionadas »