20/07/2018 às 09h37min - Atualizada em 20/07/2018 às 09h37min

Idosa morre depois de atropelamento e motociclista sem CNH acaba agredido

Acidente ocorreu no final da tarde de ontem, na Capital

Mulher de 83 anos morreu depois de ser atropelada por motociclista sem carteira de habilitação no final da tarde de ontem, na região da Coophavila II, em Campo Grande. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O piloto, de 22 anos, foi agredido por populares no local e também precisou de atendimento médico.

Segundo boletim de ocorrência, o rapaz disse que trafegava pela Rua da Península, quando logo depois de passar pela Avenida Marinha, atingiu Eunice Costa, que atravessa a via.  Ela foi socorrida e encaminhada para a Santa Casa, onde morreu algumas horas depois. O piloto da moto disse que, junto com o pai, foi agredido por populares e estava com diversas escoriações.

O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga como homicídio culposo pela falta de habilitação no trânsito. O autor não foi apresentado à Polícia Civil porque precisou ser socorrido e também porque o óbito da vítima foi confirmado somente horas mais tarde.
Link
Notícias Relacionadas »
Fátima em Dia Publicidade 1200x90