05/03/2020 às 10h49min - Atualizada em 05/03/2020 às 10h49min

Douradense atira na cabeça dos dois filhos e se mata em cidade do MT

O douradense Lucas Diniz da Silva, 27 anos, atirou na cabeça dos dois filhos, na última segunda-feira, dia 02 de março, em Canarana, no Mato Grosso, cidade localizada a cerca de 635 quilômetros, da capital Cuiabá. As investigações iniciais apontam que ele estaria com raiva da ex-mulher, que teria denunciado violência doméstica e por vingança atirou nos filhos.

A filha não resistiu aos ferimentos acabou morrendo ainda em Canarana. Já o menino foi socorrido ao hospital da cidade, mas devidd a gravidade os ferimentos foi transferido para Cuiabá. Após atirar nos filhos Lucas cometeu suicídio.

Segundo o site Olhar Direto, Lucas tinha sido preso recentemente, após a ex-mulher e mãe das crianças te-lo denunciado por agressão. Irritado, após deixar a cadeia o homem foi até a casa dos avós das crianças, disse que queria dormir com os filhos e os levou para a residência dele.

Horas depois, ele mandou mensagem para a ex-mulher, que estava em Água Boa, cidade vizinha de Canarana, dizendo que iria se vingar por ter ficado preso. Os avós então acionaram a Polícia Militar, mas quando chegaram, o homem já tinha atirado na cabeça dos dois filhos e cometido suicídio. Todos estavam na cama do quarto.

Como as crianças ainda estavam com vida, os próprios policiais militares socorreram-nas e as encaminharam para uma unidade de saúde. Porém, a menina de três anos não resistiu aos ferimentos e morreu.

O menino de seis anos foi encaminhado para a cidade de Água Boa, devido a gravidade dos ferimentos e depois transferido para Cuiabá. Até o momento, o estado de saúde do menino não foi informado. A arma utilizada no crime foi recolhida para perícia. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Link
Notícias Relacionadas »