05/04/2016 às 09h19min - Atualizada em 05/04/2016 às 09h19min

Filho matou pai com 7 facadas no pescoço, trocou roupa e lavou as mãos

Crime ocorreu no começo da manhã desta segunda-feira, em Dourados

- Correio do Estado

Renan Lutz Franco, 32 anos, preso na manhã desta segunda-feira (4) pelo assassinato do pai, Rubens Fleitas Rodrigues Franco, 56, desferiu sete golpes de faca no pescoço da vítima, depois trocou roupa que estava suja de sangue e lavou as mãos e a faca usada do crime. Os detalhes do caso foram esclarecidos durante prévio interrogatório, por volta das 9h.

Ao delegado responsável na investigação Adilson Stiguivits Lima, Renan alegou que é usuário de drogas e que já havia sido internado para tratamento. Por volta das 6h de hoje, recusando-se a tomar remédio, o pai teria lhe ''agredido verbalmente''. Além disso, Renan achava que estava sendo perseguido e havia escutado tiros na região. O desentendimento e a série de alucinações agravaram a situação.

Com faca, do tipo usada em açougues, Renan atacou o pai com sete golpes, no pescoço. Rubens morreu no local. Depois de cometer o crime, ainda conforme as declarações, Renan decidiu tomar a medicação, trocou a camiseta, lavou as mãos e a faca.

Ele resistiu em se entregar à Polícia Militar, dizendo que se renderia somente à Polícia Federal. Contudo, depois de algum tempo de negociações, foi preso em flagrante e indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil e meio cruel. “Ele presenta ponto de distúrbio psiquiátrico. Mas, tem que passar por perícia para saber se é em razão do uso de droga ou doença”, ponderou o delegado Adilson.


Link
Notícias Relacionadas »