21/06/2016 às 07h27min - Atualizada em 21/06/2016 às 07h27min

Avanço do agronegócio e desmatamento são ameaças a rios do Pantanal

Degradação de nascentes na bacia pantaneira preocupa ambientalistas

- Correio do Estado

O Pantanal é considerado um dos biomas mais preservados do planeta, com quase 85% de sua área, contudo, o desmatamento, a atividade mineral e o avanço do agronegócio na zona de preservação permanente, em seu entorno, se tornaram uma ameaça iminente e podem comprometer o sistema hidrológico e alterar os ciclos de cheias e vazantes. Como agravante, a omissão do governo e a falta de resposta imediata do Judiciário.

O que está ocorrendo em Bonito, paraíso de águas cristalinas e um dos principais polos de ecoturismo do País, é um alerta e demonstração da gravidade da degradação ambiental sem controle. Nos últimos meses, a Polícia Ambiental (PMA) lavrou multas milionárias – mais de R$ 17 milhões – a cinco fazendas da região por supressão da vegetação nativa e abertura de drenos, com danos aos rios da Prata e Formoso.


Link
Notícias Relacionadas »