23/06/2016 às 07h57min - Atualizada em 23/06/2016 às 07h57min

Professores da rede municipal paralisam atividades nesta quinta em Dourados

- Dourados News

Paralisam as atividades nesta quinta-feira (23) os educadores da rede municipal de ensino em Dourados. Segundo a categoria, os motivos seriam o adiamento do reajuste salariais que deveriam acontecer em abril, reposição inflacionária, entre outras.

As informações são do Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), após assembleia realizada entre os educadores na terça-feira (21), na sede do sindicato. De acordo com o sindicato na manhã desta quinta-feira (23), haverá uma Assembleia Geral, na sede do Simted, para as atividades do movimento grevista.

Na manhã de quarta-feira (22), a presidente Gleice Jane Barbosa, disse ao Dourados News, que a greve é em busca do cumprimento da lei de políticas salariais aprovadas no final da greve de 2014.

Segundo a presidente, além das escolas municipais os centros de educação infantil também não farão atendimento a partir de quinta-feira (23).

As reivindicações da classe são a incorporação do Adicional de Incentivo ao Magistério Municipal, que segundo o Simted, deveria ter sido pago a partir de 1º de abril; o pagamento do percentual da diferença do piso para 20 horas em outubro, negociado durante a greve de 2014 e previsto em lei, entre outros.

A redação entrou em contato com a secretária municipal de educação, Ilda Kudo, buscando informações e um posicionamento sobre as reivindicações e alegações dos professores.

A informação passada por ela é que no momento devido à crise econômica em que o país vive atualmente o município não tem receita para esses reajustes. Ela disse ainda que a secretaria está em negociação com o Simted e aberta para isso. Ela acrescentou ainda que estão buscando maneiras para que a paralisação não aconteça, pois os mais prejudicados são os alunos.


Link
Notícias Relacionadas »