Fátima em Dia Publicidade 1200x90
13/11/2023 às 15h21min - Atualizada em 13/11/2023 às 15h21min

Além de Nova Primavera, novela Terra e Paixão inventa outra cidade para Mato Grosso do Sul

Já ouviu falar em Florbela? Depois de criar Nova Primavera, autor inventou mais um município para o Mato Grosso do Sul retratado na novela Terra e Paixão

- MÍDIA MAX

Mato Grosso do Sul paralelo? Para ambientar sua história no Estado, a novela das nove da TV Globo "Terra e Paixão" parece ter inventado um Mato Grosso do Sul para chamar de seu. Isso porque, apesar de ter gravado cenas entre Dourados e Deodápolis e usar o nome de MS em sua ambientação, a trama se passa em um município fictício chamado Nova Primavera. Além disso, no decorrer da história, o autor Walcyr Carrasco acabou criando mais uma cidade que não existe em MS parar dar continuidade à "Terra e Paixão". Assim, nasceu Florbela.

Quem acompanha o folhetim já deve ter notado que, volta e meia, os personagens mencionam Florbela, o tal município vizinho de Nova Primavera, quando precisam dar uma "escapulida". Na trama, Florbela também é ambientada em Mato Grosso do Sul e serve principalmente para as figuras do folhetim realizarem suas tramoias.

Florbela, conforme evidenciado pelo próprio desgaste já enfrentado pela trama, pode ter surgido da necessidade do autor em dar movimento à sua história. Ela não existia desde o começo e, lá pelo capítulo 80, começou a ser mencionada. Faltava algo, uma troca de ambiente mais abrupta para tirar os personagens do pequeno universo de Nova Primavera, mesmo que um pouquinho e só de vez em quando. O local entra em ação no roteiro justamente quando os personagens não podem ser vistos em Nova Primavera - ou seja, quando estão fazendo algo que não pode ser descoberto.

Enquanto Nova Primavera se apresenta como uma cidade de pegada mais rural, Florbela se mostra mais sofisticada e com mais recursos. É neste município fictício que o autor se permite transportar os personagens para restaurantes luxuosos, passeios diversionais ou simplesmente uma viagem para sair da rotina. Até o flagra da traição de Irene (Glória Pires) em Antônio (Tony Ramos) aconteceu em um motel de Florbela.

Mato Grosso do Sul diferente

Mas, por que não mencionar viagens e passeios a Dourados, Campo Grande, ou Deodápolis, por exemplo? E por que criar cidades que não existem se a novela faz questão de dizer que se passa em Mato Grosso do Sul? É o que muita gente se questiona.

E, como se não bastasse inventar uma cidade para MS, "Terra e Paixão" acabou inventando logo duas. Qual seria a razão para tudo isso? A explicação mais convincente é o conforto para criar.

Isso porque a decisão de ambientar a novela em um município ficcional partiu do próprio autor Walcyr Carrasco, para ter mais liberdade de "viajar" e "voar" em seu folhetim - já que o recurso facilita a fantasia sem amarras. Desse modo, o escritor conseguiu criar um universo muito próprio e com personagens muito específicos que vivem ali, naquela realidade paralela.

Por isso, transportá-los para "cidades reais", mesmo que simuladas nos Estúdios Globo ou em externas no próprio Rio de Janeiro, acabou se tornando mais difícil. Além disso, poderia ser espinhoso para a trama citar Dourados ou outra cidade para as rápidas viagens dos personagens, que costumam ser para ações bem questionáveis e algumas até ilícitas.

Apenas Campo Grande segue sendo mencionada e somente como ponte aérea para alguma locomoção ao Rio de Janeiro.

Vontade de conhecer?

Para ambientar Florbela, "Terra e Paixão" não usou nenhuma imagem gravada em Mato Grosso do Sul - ainda! Enquanto Nova Primavera é ilustrada com takes filmados nas ruas de Lagoa Bonita, distrito de Deodápolis, Florbela não tem cidade cenográfica e apenas utiliza cenários genéricos de restaurantes, parques, ruas e um motel, no próprio Rio de Janeiro. Mas, a principal concentração das cenas do município irreal ocorrem mesmo dentro da TV Globo. Não há nada de específico ou característico.

Apesar de estranhar e não curtir muito a invenção de cidades para MS, a população sul-mato-grossense ainda questiona a decisão do autor sobre a criação desses municípios. Contudo, em comentários na internet, os mesmos confessam a vontade de dar uma espiadinha de perto e conhecer tanto Nova Primavera quanto Florbela.

Convidativo e já com suas marcas registradas, o universo de "Terra e Paixão" fisgou o telespectador sul-mato-grossense a tal ponto, especialmente porque essas cidades são comentadas com carinho e apego pela audiência, que se sente íntima dos personagens e lugares da história.

Cada vez mais disposta a prender o público de MS, "Terra e Paixão" tem apostado em cenas super representativas para a população do Estado, como explicações de que este Mato Grosso é "do Sul", o frequente aparecimento do tereré e até uma "aula" sobre chipa.
Link
Notícias Relacionadas »
Fátima em Dia Publicidade 1200x90